Últimas Notícias

A voz do colecionador: José Ricardo Vasconcelos

A seção "Voz do Colecionador" exibe periodicamente entrevistas com diversos colecionadores, que contam um pouco sobre como iniciaram este hobby, as suas experiências e as raridades em possuem em seus acervos.

Qual seu nome completo, onde mora e qual seu time de coração?
José Ricardo Vasconcelos. Moro no Janga, um bairro no litoral norte de Pernambuco, cerca de 15 km do Recife e meu time o Que Vença o Melhor FC. Isso explica o fato de eu gostar muito do esporte, valorizar a emoção e o espetáculo e por tabela, admirar a camisa de qualquer clube ou seleção, desde que seja legal.


Conte-nos um pouco como surgiu sua paixão por camisas e quando você começou a colecionar.
Então, as minhas primeiras lembranças são as camisas do Flamengo de 1981, a branca utilizada em Tóquio e a da seleção de 1982. Tinha por volta dos 7 anos de idade e já gostava o esporte e aquelas camisas, além de esteticamente interessantes, representavam o futebol jogado com beleza, qualidade e busca ao gol. Daí, o tempo passou e eu dizia pra mim mesmo que quando começasse a trabalhar e pudesse, compraria pelo menos uma por mês.


Mas enquanto essa hora não chegava, eu me contentava em ver pela TV ou através do meu hobby preferido: ir às lojas e conferir as novidades, as camisas legais, etc. Minha frase preferida na época era: - Ah, só estou olhando.  E assim foi, até que enfim, comecei a poder comprar e a primeira de todas, que  foi a do Bayern de 1999. Ah, mas antes disso, consegui comprar algumas, como a do Cruzeiro de 1992, que revelou um tal de Ronaldo.
 

Você teve incentivo de alguém ou começou a colecionar por conta própria?
Por conta própria. Tanto que eu adorava conversar sobre o assunto, pesquisar e tal, mas raramente encontrava alguém pra trocar ideia. E o mais interessante, é que não havia internet e na época, eu ficava sacando os gols da rodada ou revistas de futebol, para ver os modelos e tal.

Qual foi a sua primeira camisa de futebol?
Minha primeira camisa foi a do Brasil, 86. Era uma réplica da Hering.

Atualmente, quantas camisas você tem em seu acervo e qual o foco de sua coleção?
Por volta de 120. E cada uma delas tem um valor especial para mim. Tanto que sei dizer exatamente o ano e onde comprei. Meu foco é a estética. Como já falei, não torço por clube algum. Sendo assim, se eu ver que a camisa é interessante, pode ser atual, retro, de clube nacional, internacional, seleção, etc. e eu tiver condições de tê-la, tentarei conquistá-la.

 
Você tem alguma camisa que considera especial? Qual a maior relíquia em sua coleção?
Ah, especial meeeesmo, tenho várias. Pois são as que unem a beleza com o que elas representam não só para a história do futebol ou, principalmente, para minha história. Uma fase da vida, o lugar onde comprei, um fato marcante associado a ela...e por aí vai.

Fica até difícil mencionar todas, mas posso citar Argentina de 1986, Alemanha de 1990, São Paulo de 1993, a branco do Flamengo de 1981, a do Barcelona de 1996 e a do Grêmio retro de 1981...Bom, se deixar vou falando. Mas se tivesse de eleger a maior, diria que é a do Brasil de 82, original da época , da Topper.




Qual camisa foi a mais difícil de conseguir?
Sem dúvidas, essa de 1982. Primeiro por ser rara, depois porque quando vejo a anunciarem, os preços sempre estão nas alturas. Mas consegui naqueles lances de encontrar a oportunidade certa, leia-se preço pagável, com o momento ideal: tinha como pagar. Mas a negociação não foi fácil. Porém, o vendedor foi boa praça demais e aceitou minha oferta.


Qual camisa considera a mais bonita de sua coleção?
Poderia dizer que pelos menos todas kkkkkk Mas para não ficar em cima do muro, Alemanha 1990.


Qual camisa ainda não esta em seu acervo e que deseja conseguir?
Pergunta difícil. Mas a camisa da Itália da Copa do Mundo de 1994 é uma que desde que vi, nunca me saiu da cabeça.


Qual seu conselho a quem esta começando agora?
Como dinheiro não cai do céu, sempre se pergunte antes de comprar: Se eu não tiver essa, fará realmente falta? Se a resposta for sim, segue em frente.

Deixe seu comentário final a todos que estão lendo esta matéria?
Obrigado pela atenção em ter lido até aqui, obrigado ao site pelo convite e que podem ter certeza de eu sei bem o que cada um aqui sente quando conquista aquele manto tão esperado. Vale tanto ou mais do que um gol decisivo do seu clube.

A Classic Football Shirts possui a maior coleção de camisas internacionais de futebol. A loja faz entregas no mundo todo e usando o cupom "SDC10", o leitor terá 10% de desconto em qualquer item.

https://goo.gl/GbDxHF

4 comentários:

  1. Esse tal de Zé Ricardo realmente tem uma coleção incrível...realmente fica difícil até de imaginar uma camisa que ele não tenha...parabéns pela coleção e um grande abraço ao pessoal ai do Janga City.

    Leleco

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela coleção Zé, tbm sou apaixonado por futebol, mas diferente de vc e sempre vejo suas postagens no face de suas camisas, sao lindas parceiro, show de bola! ����������

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ...diferente de vc, sou torcedor do mais querido do Nordeste, Santa Cruz...

      Excluir
  3. Grande amigo Zé Ricardo, um amigo de longas datas, meu ídolo! Um Asabraço pra você!

    ResponderExcluir

Show de Camisas Desenvolvido por Show de Camisas Todos os Direitos Reservados

Site Show de Camisas - www.showdecamisas.com.br - Todos Direitos Reservados. Tecnologia do Blogger.