Últimas Notícias

A origem das marcas esportivas - Diadora

Durante a Primeira Guerra Mundial, os vales de Veneto, do Rio Piave até o Montello, constituíram um fronte estratégico por um longo tempo disputado entre Itália e Áustria. Para suprir as necessidades do exército italiano convocado em novembro de 1917 para defender seu controle, uma produção de sapatos e botas militares foi estabelecida e isto proveu um dos itens essenciais de suprimento para a presença vitoriosa dos italianos naquela região de montanhas tortuosas.

A experiência ganha durante a guerra foi consolidada no primeiro período pós-guerra com a produção artesanal de sapatilhas e botas de montanhismo. A área de Montebelluna logo se estabeleceu como ponto de referência, conhecida em toda a Itália por seu tipo de produção, moldando o contexto industrial, no qual, num futuro não muito distante, também nasceria a Diadora.

Logo após a Segunda Guerra Mundial, em 1948, da criatividade e do espírito empreendedor de Marcello Danieli, a Diadora foi fundada nas colinas Trevigiani, em Caerano di San Marco, na Província de Treviso. Combinando o conhecimento adquirido num território inóspito durante a Primeira Guerra Mundial ele saiu de casa para fabricar calçados com o objetivo de sustentar a família.

Ajudado por sua esposa, conseguiu lançar com sucesso seu primeiro produto: botas de alpinismo. Rapidamente obteve sucesso em expandir seus produtos primeiro sobre Veneto, depois sobre toda a Itália. Durante esta época, Diadora era uma verdadeira oficina onde as melhores botas de montanha eram virtuosamente produzidas à mão.

A introdução de uma nova tecnologia manufatureira, como a moldagem de pressão, para cada patente comprada da América, a prosperidade crescente e a vontade da Itália de se recuperar no começo dos anos 60, fizeram com que a marca se projetasse fortemente no cenário industrial.

A palavra Diadora é um termo derivado do grego, e originalmente significava “de Zara, um Zarantino” para especificar os habitantes da cidade de Dalmata. A expressão ecoou na Itália no começo do século 20 em nome de uma sociedade esportiva histórica, com base no Lido de Veneza, que venceu uma medalha de bronze histórica nas Olimpíadas de Paris em 1924.

O nome Diadora estava conectado a uma referência esportiva pela primeira vez, um distante prelúdio para um futuro que seria coroado com memoráveis sucessos. A palavra também continha um significado interior que seria refletido no futuro nome da marca.

Em grego, "dia-dora" significa "por meio de dádiva": o compartilhamento de sucessos, o conceito de time na situação competitiva, competição que respeita ambos, parceiros e adversários, isto iria se transformar nos princípios fundamentais por trás da marca italiana.



A Classic Football Shirts possui a maior coleção de camisas internacionais de futebol. Entregas no mundo todo.

https://goo.gl/GbDxHF

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Show de Camisas Desenvolvido por Show de Camisas Todos os Direitos Reservados

Site Show de Camisas - www.showdecamisas.com.br - Todos Direitos Reservados. Tecnologia do Blogger.